Loading...
Transdisciplinaridade

Se a vida é uma escola, a metodologia é transdisciplinar

Sem uma metodologia, a transdisciplinaridade seria uma proposta vazia. A metodologia de pesquisa transdisciplinar passa pelos três pilares da transdisciplinaridade: os níveis de Realidade, a lógica do terceiro incluído e a complexidade.

Se permanecermos num único nível de Realidade, toda manifestação aparece como uma luta entre dois elementos contraditórios (por exemplo: A e não-A). A terceira dinâmica, do estado T (terceiro incluído), exerce-se num outro nível de Realidade, onde aquilo que parece desunido (A e não-A) está de fato unido, e aquilo que parece contraditório é percebido como não contraditório.

“É a projeção de T sobre um único e mesmo nível de Realidade que produz a impressão de pares antagônicos, mutuamente exclusivos (A e não-A). Um único e mesmo nível de Realidade só pode provocar oposições antagônicas. Ele é, por sua própria natureza, autodestruidor, se for completamente separado de todos os outros níveis de Realidade. Um terceiro termo, digamos, T, que esteja situado no mesmo nível de Realidade que os opostos A e não-A, não pode realizar sua conciliação. A lógica do terceiro incluído não abole a lógica do terceiro excluído: ela apenas limita sua área de validade.”

A partir desta metodologia, percebemos que a educação não se restringe às escolas e Universidades, mas está presente em todos os aspectos o tempo todo, em casa, no trabalho, nas organizações e nos encontros com o outro. Com um olhar ampliado, percebemos o quanto a educação se relaciona com o cuidado, a importância de aprender a diferença entre julgar e discernir, e os diferentes resultados que se colhem entre educar por meio do medo ou por meio da confiança. Inclui a importância de reaprender a respeitar e escutar o corpo, de nos reeducar ao presente da presença, único estado no qual é de fato possível exercer o livre arbítrio.

Por fim, seria impossível falar de Transdisciplinaridade sem falar da natureza do Amor, o grande potencial transformador que habita em cada um de nós, a própria expressão da Complexidade, de um outro Nível de realidade capaz de unir os aparentes antagonismos que culminam num Terceiro incluído.

Se a vida é uma escola, a metodologia é transdisciplinar, e nós somos eternos aprendizes e eternos educadores a lembrar que não há melhor forma de educação do que ser o exemplo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *