Loading...
Psicologia TranspessoalRespiração HolotrópicaTranscendência

Você sabe o que é Respiração Holotrópica?

Holotrópica é uma palavra de origem grega (Holos = todo e Trepein = mover-se em direção a) que significa mover-se em direção a totalidade.

Inspirada no potencial de cura e transformação dos estados ampliados de consciência, a Respiração Holotrópica é uma técnica de auto-exploração profunda da Psicologia Transpessoal, criada pelo psiquiatra Stanislav Grof juntamente com sua esposa Christina Grof e utilizada desde 1976.

A técnica combina a respiração mais rápida e profunda que a habitual, música evocativa, trabalho corporal e arte, facilitando a ampliação da consciência e a conexão com a sabedoria e capacidade de cura interior, ou seja, do próprio corpo e psique.

Durante o processo você pode entrar em contato não somente com seu material biográfico (do nascimento até o presente), como se faz na psicoterapia tradicional, mas, também, acessar as memórias da sua gestação e parto, além do ilimitado espectro dos fenômenos transpessoais. O campo transpessoal é onde não sentimos a limitação do ego, espaço ou tempo e onde podemos conectar com os domínios míticos e arquetípicos, o inconsciente coletivo, o transcendente e o cosmos.

Pessoalmente, a oportunidade de vivenciar a respiração holotrópica foi essencial para compreender mais profundamente a dinâmica psíquica humana e as infinitas possibilidades de linguagens manifestadas para expressar o subconsciente. Fiquei encantada com a diversidade e complexidade do ser humano e mais uma vez, a clareza cada vez maior de que a integridade psíquica reside na espontaneidade, e a cura na transcendência e liberação das cargas emocionais inconscientes. Estas que muitas vezes tem sua origem em momentos da existência no qual o ego ainda não estava formado para conferir significação à experiência vivida e que encontra na respiração holotrópica uma forma de manifestar-se. Um aspecto interessante é que esta técnica evidencia a sabedoria do próprio corpo e psique, que parece trazer a tona exatamente o conteúdo necessário a ser liberado, sem necessidade de ser guiado ou controlado pelo ego do respirador ou de um terapeuta externo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *